terça-feira, 5 de junho de 2018

Poema realizado no âmbito da atividade Escrita imitativa

F de Ferreira

Ferreira com suas feiras
Ferreira com suas festas
suas filhas ferreirenses nos filmes
seus ferreiros com seu ferro
suas flores floridas
suas florestas
suas famílias felizes.
Ferreira com sua fava
da origem ao festival
muito depois do foral.

Joana Veríssimo 5ºD

Articulação com a disciplina de Português

Com o 4.º ano de escolaridade, dinamizamos uma atividade composta por duas sessões, indo ao encontro da Língua Portuguesa – domínio da leitura e da escrita.
Foi escolhido o livro “O Castelo do Queijo” da Autora Maria Isabel Mendonça Soares, com ilustrações de Sara Leite, pertencente a uma coleção de livros” Leio Sozinho – nível 4”. Um livro sobre Castelos e Palácios, lugares com muito encanto!
Na primeira sessão, foi narrada a parte inicial da história, aprendendo que o Castelo do Queijo existe de verdade, situado na Cidade do Porto também conhecido por Forte de S. Francisco Xavier, devendo o seu nome ao facto de ser construído em cima de uma rocha com a forma de queijo. Foi mandado construir por D. João IV, Séc. XVII, Rei de Portugal numa altura em que se viviam as guerras da restauração da independência. O Rei teve necessidade de fazer a construção do forte para defesa da zona costeira. Nessa altura, a guerra começou a fazer-se por mar e havia pontos com alguma fragilidade na costa, o que obrigou à construção de fortificações.
A biblioteca propôs que em grupo elaborassem a continuação da história. Dando corda à imaginação e criatividade foram produzidos textos com outra explicação para o nome “O Castelo do Queijo”.
Na segunda sessão, cada grupo apresentou o seu texto, surgindo finais engraçados envolvendo Reis, Rainhas, pastores, muito queijo, ratos, etc… Foi também narrado o final original da história em que a menina, narradora do livro inventa outra explicação para o nome atribuído ao Castelo.
No final e para recordação da atividade, foi construído um ratinho para levar para casa, útil para tapar o rato do computador de cada aluno.
 

Dia da Criança na Biblioteca Escolar

O Dia da Criança, foi celebrado com grande alegria!

A biblioteca elaborou uma exposição com alguns livros e trabalhos elaborados por algumas das crianças do Centro Escolar de Areias, em que desenharam a criança que são e deram a opinião sobre o que é ser criança.

Ser criança é…
… fabuloso
… muito bonito
… ser feliz!
… divertido
… engraçado
… ser feliz e amigável!
… alegria
… fantástico

Ser criança é o melhor do mundo!

Miúdos a votos • Resultados finais

No dia 30 de maio, realizou-se a festa final desta iniciativa. Vindos de vários pontos do país, alunos de cerca de 20 escolas mostraram o que fizeram para que o seu livro favorito chegasse a vencedor. O projeto cruzou cidadania e leitura e pôs os estudantes a usar as mesmas ferramentas das campanhas eleitorais a sério.
Viveu-se um ambiente semelhante ao da campanha eleitoral na Feira do Livro de Lisboa: grupos de crianças e jovens andaram por entre os stands da feira a manifestar-se pelos seus livros preferidos, munidos de cartazes e propaganda eleitoral.
Nos palcos da Praça Verde e Amarela, apresentaram-se pequenas peças de teatro, dramatizações, músicas e até a um telejornal pré-histórico, inspirados nos livros. Na Praça da Fundação Francisco Manuel dos Santos, a Rádio Renascença transmitiu em direto uma mesa redonda com estudantes que participaram na iniciativa.
Às 18h15, nessa mesma praça,  começou a cerimónia de anúncio dos livros vencedores apresentada por alunos vindos da Escola Secundária de Escariz, concelho de Arouca, e com a participação de estudantes de várias outras escolas.
Os resultados obtidos por cada um dos livros que foram a votos podem ser consultados nas listas seguintes: 1.º ciclo2.º ciclo3.º ciclo.

quinta-feira, 24 de maio de 2018

Prova intermunicipal do Concurso Nacional de Leitura

O Agrupamento de Escolas de Ferreira do Zêzere participou, no dia 23 de maio, na prova intermunicipal do Concurso Nacional de Leitura que, este ano, foi organizada pela Biblioteca Municipal de Mação.
A aluna Lara Alves, 1º ciclo, passou à fase nacional do Concurso Nacional de Leitura. Depois de uma prova escrita e outra de leitura e argumentação, a aluna Lara Alves, do 1º ciclo, passou à fase nacional do Concurso Nacional de Leitura que se realizará dia 10 de junho, em Pombal, havendo ainda um procedimento intercalar, dia 7 de junho.
O aluno, Miguel Rosa, aluno do 2º ciclo, recebeu uma menção honrosa como suplente.
Foram ainda representantes dos outros ciclos de ensino os alunos Duarte Farinha; 3º ciclo, e Rita Cotrim, ensino secundário.
Pela sua participação e empenho, todos estão de parabéns.


sexta-feira, 11 de maio de 2018

IX Concurso de leitura expressiva

Decorreu, dia 10 de maio de 2018, na Biblioteca da Escola Pedro Ferreiro a final da IX edição do Concurso de Leitura Expressiva, do Ensino Secundário, nas modalidades de texto poético e narrativo/dramático, organizado pelas professoras de Português do ensino regular e profissional.
Os alunos representantes das várias turmas foram eleitos pelos seus pares como os melhores leitores de cada turma. Esta atividade teve como objetivo motivar para a leitura e eleger as três melhores leituras de cada um dos géneros.
Ao júri, constituído pelas professoras organizadoras Alda Sá e Etelinda Vieira, pela diretora, professora Isabel Saúde, pelo professor bibliotecário, Carlos Duarte e pelo vereador da educação e cultura, Dr. Hélio Antunes, coube a difícil tarefa de escolher os melhores leitores, em voz alta, tendo em conta, entre outros, a postura, o ritmo, a voz e dicção e a expressividade.
O júri, na sua intervenção, sublinhou que a qualidade das participações tem vindo a aumentar de ano para ano, pelo que vencedores foram realmente todos aqueles que participaram. Com esta opinião corroboraram todos os outros elementos do júri.
Ainda assim, distinguiram-se na leitura de texto lírico: em 1º lugar, Olívia Dias, 12.ºA, em 2º lugar, Beatriz Antunes, 12.ºA e em 3º lugar, Jéssica Mateus, 11.ºA.
Na tipologia de texto narrativo/dramático: em 1.º lugar, Olívia Dias, 12.ºA, em 2º lugar, Beatriz Antunes, 12º A e em 3º lugar Maria Beatriz Nunes, 10.ºA.
No final, foi entregue, a todos os participantes e colaboradores, um certificado acompanhado, simbolicamente, por uma flor.
 Aos vencedores serão atribuídos, pela escola, prémios em cartão Note/FNAC que serão entregues na festa de encerramento do ano letivo, dia 29 de junho.
Parabéns a todos os que participaram e reiteradamente aos vencedores.
 BOAS LEITURAS!

terça-feira, 8 de maio de 2018

Dia da Mãe na Biblioteca Escolar

Na biblioteca do Centro Escolar de Areias, comemorámos o Dia da Mãe.
A equipa da biblioteca organizou uma oficina, na qual se fizeram bonitas chávenas para os alunos presentearem as suas mães.

Ser Mãe... Para ser mãe não há receita, Nem lições feitas de cor, Ser Mãe é ser eleita, É cuidar com muito Amor.
 Autora: Rosarinho Moita de Macedo

Do fundo documental foram selecionados alguns títulos que ficaram expostos em homenagem às mães.